Telefone:
Fax:

José Maria de Medeiros Andrade Diretor Regional das Comunidades
Nota Biográfica

José Andrade nasceu em Ponta Delgada, em 1966. É licenciado em Ciências Sociais, na especialidade de Ciência Política, e integra o quadro de pessoal da RTP/Açores desde 1988. No exercício de sucessivas responsabilidades institucionais, tem dedicado especial atenção à diáspora açoriana.

Enquanto Deputado à Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, acompanhou os assuntos parlamentares das Comunidades Açorianas, a par da Cultura e da Comunicação Social, e participou nas assembleias gerais do Conselho Mundial das Casas dos Açores realizadas em Hilmar (Califórnia) em 2014, Montreal (Quebeque) em 2015 e Flores e Corvo (Açores) em 2016. Durante este período, visitou todas as Casas dos Açores existentes em Portugal, Estados Unidos da América, Canadá, Brasil e Uruguai, por iniciativa própria e a expensas pessoais, de cujos contatos resultou a publicação de um dos 25 livros da sua autoria, Açores no Mundo, com prefácio do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Enquanto chefe de gabinete do presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada ou Vereador da Cultura e Ação Social, organizou os processos de geminação da cidade de Ponta Delgada com Florianópolis (Santa Catarina) e Newport (Rhode Island), em 2003, e com Kaua’i (Havai), em 2018, e iniciou o processo de construção da réplica monumental das Portas da Cidade de Ponta Delgada em Fall River (Massachusetts), em 2004. Como presidente da Comissão Municipal de Toponímia de Ponta Delgada, propôs os topónimos locais “Rua Cidade de Fall River” (1998), “Rua Cidade de San Leandro” (2000), “Rua Cidade de Newport” (2003), “Rua Cidade de Toronto” (2003), “Rua Cidade de Florianópolis” (2003), “Rua Cidade de Porto Alegre” (2003) e “Alameda das Comunidades Açorianas” (2008).

Enquanto assessor do Presidente do Governo Regional dos Açores, participou no encerramento das comemorações dos 250 anos da colonização açoriana do Sul do Brasil, nas cidades de Florianópolis e Porto Alegre, em 1996.

Proferiu conferências sobre assuntos da diáspora, como “A importância das Casas dos Açores na eterna saudade do imigrante”, na XVII Semana Cultural da Casa dos Açores do Ontário, em Toronto, 2014; “Tradições culturais nas ‘dez’ ilhas açorianas”, no Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina e na Academia Catarinense de Letras, em Florianópolis, 2015; “Açorianidade Global”, no XXXI Colóquio Internacional da Lusofonia, em Belmonte, 2019; “A vivência da piedade popular nas comunidades açorianas da diáspora”, no colóquio comemorativo dos 60 anos do Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres, em Ponta Delgada, 2019; “O culto do Senhor Santo Cristo dos Milagres em Ponta Delgada e na América”, no XXV Congresso Internacional de Antropologia de Ibero-América, na Universidade de Salamanca, 2020; ou “Cultura Popular dos Açores - Grupos Folclóricos e Bandas Filarmónicas”, na XXX Festa Nacional das Culturas Diversificadas, em Ijuí, Rio Grande do Sul, 2020.

É membro correspondente do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina (Brasil) e sócio, agora suspenso, da Associação dos Emigrantes Açorianos.