Telefone:
Fax:

O projeto da REDE ATLÂNTICA DE ESTAÇÕES GEODINÂMICAS E ESPACIAIS (RAEGE) tem como propósito a construção de uma rede de 4 estações geodésicas fundamentais destinadas à realização de estudos de radioastronomia, geodesia e geofísica.

A 29 de abril de 2010 foi assinado entre o Governo dos Açores (GRA), através do Secretário Regional da Ciência, Tecnologia e Equipamentos (SRCTE), e o Instituto Geográfico Nacional (IGN) do Ministério do Fomento do Governo de Espanha, representado pelo seu Diretor Geral, D. Alberto Sereno Alvarez, um memorando de entendimento tendo em vista a cooperação para o estabelecimento de REDE ATLÂNTICA DE ESTAÇÕES GEODINÂMICAS E ESPACIAIS (RAEGE), através de um projeto de instalação e funcionamento operativo de 4 estações geodésicas fundamentais (EGF), destinadas à realização de estudos de astronomia, geodesia e geofísica, localizadas em:

• 1 em Yebes, Guadalajara, Espanha;
• 1 nas Canárias;
• 1 em Santa Maria;
• 1 nas Flores.

O memorando prevê a instalação, em cada uma das 4 estações, de um radiotelescópio para VLBI geodésico do tipo VLBI 2010 (diâmetro de cerca de 12 m), entre outros equipamentos, bem como a construção das infraestruturas e instalações necessárias para o acesso, segurança e funcionamento dos equipamentos.

Ambas as partes acordaram na gestão e coordenação conjunta de todas as atividades científico-técnicas a desenvolver tanto nas estações como nos centros de base sede (previstos um em S. Miguel e outra em Yebes), considerando as 4 estações como uma só unidade operativa.

Após a inauguração da estação de Yebes, no final do ano passado, está agora em fase final de construção na ilha de Sta. Maria a segunda estação (a primeira das duas a serem instaladas nos Açores).