22 de Setembro 2022 - Publicado há 15 dias, 13 horas e 18 minutos
Clélio Meneses destaca vantagens do 5G na área da Saúde
location Angra do Heroísmo

Secretaria Regional da Saúde e Desporto

O Secretário Regional da Saúde e Desporto, Clélio Meneses, saudou na quarta-feira os investimentos anunciados pela da Altice nos Açores, particularmente o fomento do 5G, e disse que a região “está a preparar-se para tirar o melhor partido de tudo aquilo que tem a ver com a instalação dos equipamentos adequados”, nomeadamente no campo da Saúde.

O governante enalteceu a possibilidade do uso da tecnologia “e das ferramentas que permitam melhores resultados em Saúde, mais rápidos, com maior eficácia e com menor margem de erro”, reafirmando que “esta é uma pretensão da região para ultrapassar as dificuldades estruturais do Serviço Regional de Saúde”. 

Sobre as vantagens do 5G, Clélio Meneses destacou “a velocidade, a latência inferior, e a maior capacidade de dados”, e exemplificou com “a possibilidade da intervenção direta em saúde, numa pessoa que está numa ilha sem hospital e sem especialistas, com acompanhamento de um especialista à distância, poder ter, de facto, uma intervenção com muito maior sucesso, muito menos incómodo para o doente, sem ter que se deslocar” para outra ilha. 

O titular da pasta da Saúde do Governo dos Açores lembrou, por outro lado, que a região está a investir, com fundos do PRR, cerca de 30 milhões de euros na interoperabilidade do sistema.

“Há um sistema informático nos centros de saúde, dois hospitais têm outro sistema e um hospital tem ainda um outro sistema, e isto não oferece capacidade de leitura e interação. Vamos criar uma interoperabilidade entre todo o sistema para que não haja necessidade de repetir exames, de repetir informação e disponibilizar toda a informação do doente", disse. 

Neste âmbito, Clélio Meneses adiantou que está em curso o desenvolvimento de um conjunto de intervenções “para que o utente possa agendar a sua consulta, possa ter acesso ao seu processo em termos de perceber os exames que tem que fazer, e o profissional de saúde também terá um grande incremento ao nível daquilo que é a sua ação com o sistema”.  

“São, de facto, investimentos robustos que pretendemos que deem um contributo para ultrapassarmos as dificuldades que estão identificadas”, considerou. 

“O 5G será determinante, sobretudo, como digo, pela velocidade e pela menor latência, mas, de qualquer forma, o que está a ser a ser investido ao nível daquilo que é o PRR, com todos os procedimentos que estão em curso para posterior adjudicação, podem já ser operados com a atual rede instalada”, concretizou o governante. 

© Governo dos Açores | Fotos: SRSD

Partilhar