Artigo sem Imagem
Nota de Imprensa
1 de Dezembro 2021 Comunicado da Autoridade de Saúde Regional Últimas 24 horas: Diagnosticados 24 novos casos positivos de covid-19, sendo 13 em São Miguel, seis na Terceira e cinco no Faial, resultantes de 1.082 testes realizados. Em São Miguel, foram registados sete casos no concelho de Ponta Delgada, três no concelho da Lagoa, e três no concelho da Ribeira Grande. Na Terceira, foram diagnosticados quatro casos no concelho de Angra do Heroísmo e dois no concelho da Praia da Vitória. No Faial há registo de cinco novos casos correspondente ao concelho da Horta. Internamentos: À data de hoje estão dois doentes internados, ambos no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, nenhum em Unidade de Cuidados Intensivos. Recuperações: Nas últimas 24 horas foram registadas 41 recuperações. Situação atual:  O arquipélago regista presentemente 222 casos positivos ativos, sendo 150 em São Miguel, 33 na Terceira, 19 no Faial, 15 em São Jorge, quatro na Graciosa, e um no Corvo. Desde 31 de dezembro de 2020 e até 29 de novembro, foram vacinadas nos Açores 175.414 pessoas com a primeira dose (74.1 por cento) e 196.258 com a vacinação completa (82,9 por cento), no âmbito do Plano Regional de Vacinação. Até esta data 12.734 utentes receberam o reforço da vacina (3.ª dose).
attachment detail
more
Fórum Autonómico
Nota de Imprensa
1 de Dezembro 2021 Fórum Autonómico tem ajudado a pensar os Açores e a projetar a Região no mundo, valoriza Presidente do Governo O Presidente do Governo Regional dos Açores, José Manuel Bolieiro, destacou na noite de terça-feira, durante o quinto Fórum Autonómico, que este espaço de reflexão coletiva, com os seus “oradores de referência”, tem ajudado a pensar os Açores e a “projetar no mundo” a Região. O fórum, realizado a propósito das visitas estatutárias, lembrou o governante, tem sido uma “oportunidade de encontro de cidadania com reflexão estratégica sobre um pensamento”, estando “apoiado em oradores de referência” que ajudam, “através do seu conhecimento, a refletir nos Açores o mundo e a projetar no mundo os Açores”. Na terça-feira, em Vila do Porto, na ilha de Santa Maria, o orador convidado foi o consultor Miguel Rebelo de Sousa, que abordou temáticas em torno da transição digital. “Santa Maria teve sempre cosmopolitismo e não prescindiu do seu estatuto” de território de centralidade em várias áreas, lembrou José Manuel Bolieiro, para quem é necessário haver uma adaptação aos novos “tempos de transição”, nomeadamente digital. “Importa, no quadro da atitude, sermos agentes de mudança, e não apenas destinatários conformados à mudança. É este o desafio da modernidade e da conquista do futuro”, acrescentou o Presidente do Governo. Em Santa Maria, acrescentou, há uma grande “capacidade tecnológica instalada”, nomeadamente em termos de controlo de tráfego aéreo – há poucas semanas a NAV inaugurou na ilha a nova sala de operações do Centro de Controlo Oceânico (CCO), órgão responsável pelo controlo de tráfego aéreo numa área de 5,18 milhões de quilómetros quadrados. Uma “literacia para a transição digital” revela-se “fundamental para a construção de um pensamento e atitude de uns Açores para o futuro”, continuou o Presidente do Governo, depois de referir a capacidade de Santa Maria em “ganhar o futuro” como exemplo para toda a Região. “Queremos todas as aportações que venham com este sentido crítico”, desafiou ainda José Manuel Bolieiro, dirigindo-se a Miguel Rebelo de Sousa, que apresentou vários desafios à Região no campo da transição digital. A “nova economia”, nomeadamente a referente ao espaço, foi também destacada pelo governante, que reiterou a “privilegiada posição geostratégica” dos Açores, e de Santa Maria em concreto, para a implementação de vários projetos nesta área. “Queremos estar no centro destas opções de modernização, que conectam com a transição digital e o conhecimento científico. A tarefa não é fácil, não pode ficar apenas no nosso domínio. Temos de ter o ‘know how’ e a capacidade empresarial mais musculada ao nível europeu e nacional”, defendeu José Manuel Bolieiro. O Fórum Autonómico é um espaço de reflexão sobre a autonomia e desafios da mesma em diferentes áreas de intervenção, com impacto direto na sociedade, economia e bem-estar dos cidadãos Açorianos. O Governo dos Açores termina hoje a visita estatutária à ilha de Santa Maria.
camera detail audio detail
more
Artigo sem Imagem
Agenda
1 de Dezembro 2021 Agenda do Governo Regional dos Açores para 1 de dezembro Último dia da Visita Estatutária do Governo Regional à ilha de Santa Maria, cumprindo-se o seguinte programa: 10H00 - Visita à Estação da RAEGE. Local: Estrada dos Piquinhos, em São Pedro. OUTRAS ATIVIDADES DOS MEMBROS DO GOVERNO: 20H30 - O Secretário Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego, Duarte Freitas, preside à inauguração da Expo Açores Artesanato. Local: Pavilhão do Mar, Portas do Mar, em Ponta Delgada.
more
Artigo sem Imagem
Nota de Imprensa
30 de Novembro 2021 Votação das 101 propostas do Orçamento Participativo dos Açores inicia-se amanhã, 1 de dezembro A fase de votação das 101 propostas do Orçamento Participativo dos Açores (OP Açores) de 2021, começará amanhã, dia 1 de dezembro, e decorrerá até ao dia 31 de janeiro de 2022, altura em que os cidadãos serão novamente convidados a participar, escolhendo as propostas que querem ver executadas pelo Governo dos Açores. Das 101 propostas em votação, 14 de abrangência regional e 87 ao nível de ilha, em cada uma das nove ilhas do arquipélago, ou seja, um em Santa Maria, 22 em São Miguel, 16 na Terceira, dois na Graciosa, 10 em São Jorge, 9 no Pico, três no Faial, 14 nas Flores e 10 no Corvo. Em votação vão estar 3 propostas no domínio da Agricultura, oito do Ambiente, 16 da Ciência, 16 da Cultura, 13 da Inclusão Social, 28 da Juventude, um do Mar e Pescas e 16 do Turismo. Com vista a incentivar a uma maior participação dos cidadãos, o Governo Regional dos Açores, através da Secretaria Regional das Finanças, Planeamento e Administração Pública, lança esta semana uma campanha publicitária no canal YouTube do Governo, bem como na página do Facebook do OP Açores (https://OP.AZORES.GOV.PT) e nos meios de comunicação social regionais. Os cidadãos promotores das propostas em votação terão à sua disposição um “kit”, composto por modelos de ‘posts’ nas redes sociais, cartazes e outros materiais promocionais de apoio à sua campanha de divulgação das propostas e angariação de votos. Cada cidadão tem direito a votar duas vezes: um voto numa proposta de âmbito regional e um voto numa proposta de âmbito ilha. As votações podem ser efetuadas ‘on-line’, através do sítio https://op.azores.gov.pt, ou por SMS gratuito através do envio de uma mensagem para o número 3838: “OPAZORES (espaço) Número da proposta (espaço) Número de Identificação Civil”, devendo, em qualquer uma das formas de votação, indicar todos os números e letras do Cartão de Cidadão ou todos os números do Bilhete de Identidade. Os resultados serão conhecidos em fevereiro de 2022, podendo, entretanto, a votação ser acompanhada através do sítio https://OP.AZORES.GOV.PT ou pelas redes sociais em https://www.facebook.com/OPAZORES/e https://www.instagram.com/op.azores/. 
more
Artigo sem Imagem
Nota de Imprensa
30 de Novembro 2021 Governo dos Açores abre concurso internacional no âmbito da Marca Açores O Governo dos Açores, por intermédio da Secretaria Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego, determinou, hoje, a abertura do Concurso Público Internacional para a redefinição de uma estratégia da Marca Açores no horizonte dos próximos 10 anos. O procedimento para a aquisição de serviços de definição de uma estratégia de marca para os Açores para 2022-2032, com o prazo de 45 dias para apresentação de propostas, é o resultado de vários meses de trabalho de preparação, através do qual foi possível conciliar a retoma da atividade no âmbito da Marca Açores e o desenvolvimento de uma reflexão profunda sobre o futuro deste projeto lançado no início de 2015.  O concurso público internacional agora lançado coloca em evidência a necessidade de se ir além de uma visão básica de identidade visual e envolver todos os setores da Região numa nova estratégia que pretenda responder a questões fundamentais, nomeadamente porquê visitar, viver, investir, criar, comprar, contribuir e recomendar os Açores.  O Governo dos Açores pretende a definição de um plano estratégico de marca e de marketing ambicioso e adequado, quer ao presente quer ao futuro, que possa guiar a evolução da Marca Açores e que seja capaz de corresponder às expectativas dos Açorianos e dos que procuram os Açores. 
more

HomeMapPortlet