10 de Fevereiro 2023 - Publicado há 491 dias, 10 horas e 34 minutos
Apoio ao aumento salarial confirma “prioridade às pessoas e à capacidade de criação de riqueza”, afirma José Manuel Bolieiro
location Ponta Delgada

Presidência do Governo Regional

O Presidente do Governo dos Açores, José Manuel Bolieiro, enalteceu hoje o recém-criado Mecanismo de Apoio ao Incremento de Salários (MAIS) dos trabalhadores açorianos, afirmando a sua satisfação por se estar a dar prioridade, "mais uma vez, nesta governação, às pessoas e à capacidade de criação de riqueza”.

“O nosso entendimento é que melhor remuneração, mais produtividade. Mas também compreendemos o esforço dos empregadores que sem produtividade não podem fazer incremento salarial. Estamos a dar aqui um apoio público para estimular este percurso de produtividade, melhoria de rendimentos”, assegurou.

O Chefe do Executivo explicou que o MAIS, que consiste num apoio de 174 euros por trabalhador às entidades empregadoras privadas, incluindo as do setor social, para incentivar e compensar o aumento do salário mínimo ou médio dos seus trabalhadores, foi criado como resposta a um “momento em que é preciso reconhecer o esforço que os empregadores têm face ao sobrecusto dos fatores de produção”.

“Esta solução do incremento salarial, sob a designação MAIS, também tem em vista desonerar custos de contexto das empresas e da economia”, disse.

As candidaturas ao MAIS, que poderá abranger até 55 mil trabalhadores da região, num investimento público total previsível de 10 ME, podem ser apresentadas a partir das 00h00 horas de hoje e até ao final do mês de fevereiro, através de formulário eletrónico disponível na plataforma online emprego.azores.gov.pt .

O Presidente do Governo dos Açores visitou hoje a COFACO, na Vila de Rabo de Peixe, concelho da Ribeira Grande, para assinalar a entrada em vigor do MAIS, na qual participaram a Secretária Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego, Maria João Carreiro, e o Secretário Regional do Mar e das Pescas, Manuel São João.

© Governo dos Açores | Fotos: MM

Partilhar