28 de Agosto 2022 - Publicado há 155 dias, 21 horas e 12 minutos
Maria João Carreiro desafia “jovens construtores da União Europeia” a “considerarem os Açores para início de projeto profissional e familiar”
location Ribeira Grande

Secretaria Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego

A Secretária Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego afirmou este sábado que a Região “tem muito a ganhar” com a fixação e o regresso dos jovens aos Açores e que “vai também beneficiar”, se conseguir atrair talentos e jovens de outras geografias “disponíveis para contribuir para o desenvolvimento em curso da Região”.

Maria João Carreiro, que falava em representação do Presidente do Governo dos Açores na Sessão de Boas-Vindas aos participantes na 5.ª Edição do Summer CEmp, que decorreu no Arquipélago – Centro de Artes Contemporâneas, na Ribeira Grande, deixou, nesse sentido, um desafio aos “jovens construtores da União Europeia”.

“Considerem os Açores para início do vosso projeto profissional e familiar. À inegável qualidade de vida na nossa Região, estamos a associar as condições para que os jovens residentes nos Açores possam construir o seu projeto de vida numa perspetiva integral, através de programas que procuram responder às suas preocupações, necessidades e ambições em todas as dimensões da sua vida”, garantiu.

A governante apontou o “diálogo e a cooperação nos domínios da formação e qualificação, do emprego, do ambiente, do empreendedorismo, cada vez mais associado às novas economias, como a azul e a verde, da cidadania, do associativismo ou da participação política” como a tradução desse “investimento regional na juventude”.

O Summer CEmp, que decorre até terça-feira no concelho da Ribeira Grande, é organizado pela Representação da Comissão Europeia em Portugal e junta, além de 40 jovens universitários de todo o país, oradores regionais, nacionais e europeus para refletir sobre as prioridades e a política europeia.

A titular da pasta da Juventude frisou que “esta é também uma ocasião para que os jovens possam debater as oportunidades e dos desafios concretos dos Açores no contexto europeu”, razão pela qual o Executivo açoriano “mobilizou-se, desde a primeira hora, para a organização” desta escola de verão.

“Fizemo-lo com a sustentada expetativa da relevância desta iniciativa para a formação cívica dos jovens participantes e com a empenhada convicção do contributo que os Açores podem e devem representar para a reflexão sobre o projeto europeu”, justificou.  

Maria João Carreio expressou, ainda, votos para que os jovens levem dos Açores o “reforçado compromisso” com a construção de um “projeto europeu que inclua, cada vez mais, os Açores e as regiões ultraperiféricas como a nossa”, concluiu.  

O programa do #SummerCEmp pode ser consultado aqui Booklet SummerCEmp 2022_1.pdf (europa.eu).

© Governo dos Açores | Fotos: Summer CEmp.

Partilhar