8 de Abril 2022 - Publicado há 243 dias, 1 horas e 38 minutos
Governo dos Açores estabelece compromisso com o desenvolvimento da Graciosa no campo agrorural, afirma António Ventura
location Graciosa

Secretaria Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural

O Secretário Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, António Ventura, sublinhou, em visita esta semana à Graciosa, o estabelecimento de compromissos “a curto, médio e longo prazo no âmbito do abastecimento de água, da melhoria dos caminhos e da produção de leite” na referida ilha.

“São compromissos que visam desenvolver a Graciosa e melhorar o rendimento dos agricultores, contribuindo para a melhoria da economia da ilha”, realçou o titular da pasta da Agricultura.

Nesse sentido, o governante, que manteve encontros de trabalho com a Associação dos Agricultores da ilha Graciosa e com a Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, revelou que vai ser construída uma mini lagoa artificial, na zona dos Barreiros, numa cooperação entre os Serviços Florestais locais e a IROA, SA, tendo em vista uma maior oferta de água na ilha.

Outro dos assuntos em análise no decurso da visita do Secretário Regional à ilha Graciosa foi a recuperação do reservatório de água da zona do Pontal, atingido pelo mau tempo e que já se encontra em condições de fornecer água.

Na zona da Ribeirinha vai ser aberto um novo ponto de abastecimento de água, ao mesmo tempo que o executivo açoriano, em cooperação com a edilidade de Santa Cruz da Graciosa, vai proceder a uma intervenção no caminho da Esperança Velha, assim como ao estabelecimento da ligação da Água do Poço de Ratim à Água Pouca.

A conversão da produção de leite convencional em produção de leite mais natural, em pastagem ou biológica, foi outro dos pontos em análise entre António Ventura e a Associação Agrícola da Graciosa.

Uma transformação, que segundo disse o governante, “está muito associada à Reserva da Biosfera da Graciosa”, e que se pretende “provoque menos pressão no consumo de água; uma diminuição da carga animal na ilha, e a melhoria da qualidade de vida dos produtores”.

Outra das problemáticas discutidas prende-se com o aumento da população de coelhos na ilha, que já está a provocar estragos ao nível das vinhas e das pastagens.

Assim sendo, sublinhou o governante, a Direção Regional dos Recursos Florestais já se encontra a avaliar a situação, prevendo-se em breve a abertura da caça ao coelho na Graciosa.

O transporte e a saída de animais vivos da ilha, foi ainda outra das preocupações que os produtores levaram a António Ventura, e do qual receberam a garantia que será analisada em conjunto com o Secretário Regional dos Transportes.

© Governo dos Açores | Foto: SRADR

Partilhar