9 de Julho 2024 - Publicado há 14 dias, 2 horas e 51 minutos
Nota à imprensa
location Ponta Delgada

Presidência do Governo Regional

É com profunda tristeza e consternação que o Governo dos Açores, na pessoa do Presidente do Governo Regional, José Manuel Bolieiro, lamenta o falecimento de Joana Marques Vidal, magistrada do Ministério Público de carreira e uma figura ímpar na justiça portuguesa.

Joana Marques Vidal iniciou as suas funções como magistrada em 1979, destacando-se ao longo de uma carreira notável pela sua integridade e dedicação à justiça. Em 12 de outubro de 2012, foi nomeada pelo Presidente da República Aníbal Cavaco Silva como Procuradora-Geral da República, cargo que exerceu com distinção até 12 de outubro de 2018, sendo a primeira mulher a ocupar esta posição de relevância.

Após cessar funções como Procuradora-Geral, foi agraciada com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Nosso Senhor Jesus Cristo a 22 de outubro de 2018, em reconhecimento pelos seus serviços à nação. Desde 20 de novembro de 2018, Joana Marques Vidal desempenhava funções no Gabinete do Ministério Público junto do Tribunal Constitucional, onde continuou a sua incansável defesa da legalidade e da justiça.

A sua ligação aos Açores é também digna de nota. 

Entre 2004 e 2007, foi Auditora Jurídica do Ministro da República para a Região Autónoma dos Açores e representante do Ministério Público na Secção Regional dos Açores do Tribunal de Contas. A sua contribuição foi inestimável para a Região, onde deixou uma marca indelével através do seu trabalho árduo e comprometimento com os valores da justiça.

Além do seu papel na justiça, Joana Marques Vidal foi a primeira mulher a presidir à Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV), entre 2007 e 2012, evidenciando o seu profundo compromisso com a defesa dos direitos das vítimas e a promoção da justiça social.

Neste momento de pesar, o Governo dos Açores expressa as mais sinceras condolências à família, amigos e colegas de Joana Marques Vidal. 

A sua partida deixa um vazio imenso, mas o seu legado de justiça, ética e serviço público perdurará para sempre na memória de todos os que tiveram o privilégio de trabalhar com ela e beneficiar do seu inestimável contributo à sociedade portuguesa.

© Governo dos Açores | Fotos: F.R / Teatro Micaelense

Partilhar