10 de Novembro 2022 - Publicado há 80 dias, 4 horas e 44 minutos
Berta Cabral define criatividade como fator de diferenciação e potenciação do turismo cultural nos Açores
location Ponta Delgada

Secretaria Regional do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas

A Secretária Regional do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas, Berta Cabral, defendeu, na Ribeira Grande, que “o triângulo Turismo, Cultura e Criatividade deve alcançar um eixo efetivo entre as esferas política, económica, cultural e ambiental”.

A governante falava na conferência internacional “Creative Tourism, Regenerative Development and Destination Resilience”, a que presidiu, e que decorre até hoje, no Arquipélago – Centro de Artes Contemporâneas.

Berta Cabral disse que esta conferência assume um “elevado significado” para os Açores pelo impacto da sua dimensão internacional, mas também por contribuir, no âmbito científico e estratégico, para o percurso de desenvolvimento que o Governo açoriano almeja para o Turismo nos Açores.

“Vivemos um período em que é necessário juntar sistematicamente esforços e vontades, ganhar confiança e acreditar no futuro. A aposta no Turismo, à semelhança de outros sectores vitais, tem de estar na primeira linha das nossas prioridades”, reforçou.

“Para atingirmos e consolidarmos esse objetivo, necessitamos de trabalhar mais, em estreita colaboração, nas várias esferas de intervenção, elegendo e exercitando a exigência em prol do desenvolvimento, do progresso e, acima de tudo, da diferenciação”, acrescentou a governante.

Relativamente ao Turismo Criativo, tema da conferência, frisou que o mesmo “recupera a tradição e vitaliza a preservação, revoluciona a arte e dá asas à criatividade”, o que se concretiza com “a estratégia, a dinâmica e a promoção turística dos Açores, desde logo, pela incubação e crescimento das indústrias criativas em articulação com a atividade empresarial local”.

Uma articulação que, para Berta Cabral, “poderá resultar numa renovada dinâmica para os territórios e para empresas, se se cibsuderar que a fusão entre criatividade artística, empreendedorismo e espaço público tem engenho e materialização”.

Através da circulação de talento, integração das economias e interdependência cultural, Berta Cabral disse que o Turismo Criativo, vai “intensificar a essência natural, humana e sustentável” dos açorianos “como povo do mundo e aberto ao mundo”.       

A Secretária Regional recordou que os Açores estão na mais recente lista dos melhores destinos da National Geographic para 2023, pelas nossas maravilhas naturais, e que, há três anos consecutivos, são considerados o “Melhor Destino de Turismo de Aventura da Europa”, nos World Travel Awards.

Nesta conferência, organização conjunta do Observatório de Turismo dos Açores, Universidade dos Açores e Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, em parceria com a Guangzhou International Sister Cities University Alliance, participam académicos e profissionais de países como Alemanha, Austrália, Canadá, China, Croácia, Escócia, Espanha, França, Itália, Japão, Países Baixos, Portugal ou Ucrânia. Trata-se de mais uma iniciativa que, por se realizar em plena época baixa, contribui para atenuar os efeitos da sazonalidade do turismo nos Açores.

© Governo dos Açores | Foto: MM

Partilhar