23 de Setembro 2021 - Publicado há 31 dias e 48 minutos
Clélio Meneses destaca “trabalho extraordinário” dos profissionais do Serviço de Apoio ao Doente Deslocado
location Lisboa

Secretaria Regional da Saúde e Desporto

O Secretário Regional da Saúde e Desporto distinguiu hoje, em Lisboa, o “trabalho extraordinário à debilidade da doença em deslocação” que é efetuado pelos profissionais do Serviço de Apoio ao Doente Deslocado. 

Clélio Meneses falava após uma visita àquele serviço, onde destacou a sua importância no apoio ao doente deslocado, assim como o desempenho dos seus profissionais, mas onde diz ter constatado que “há grandes dificuldades, algumas delas com alguns anos”, nomeadamente “naquilo que é o modelo, a estratégia e o caminho que esse serviço tem de ter em Lisboa, mas também ao nível de recursos humanos”.

“Há um défice de recursos humanos que é significativo e que afeta a própria qualidade do serviço prestado, na medida em que são poucos os profissionais afetos ao serviço”, adiantou.

Para além disso, continuou, “existem outros problemas, que por sinal, já estão resolvidos por este Governo, designadamente no que diz respeito ao parque informático, que foi todo remodelado, e também na aquisição de uma nova viatura que preste um serviço adequado, capaz e digno, que neste momento está condicionado”. 

“Entendemos que é importante haver uma proximidade deste serviço com a Região, para que, efetivamente, os açorianos que estão deslocados em doença se sintam com as condições de conforto mínimas para atenuar o seu sofrimento”, concluiu o Governante. 

A reunião com o Serviço de Apoio ao Doente Deslocado em Lisboa foi a primeira do Secretário Regional da Saúde e Desporto na primeira deslocação ao exterior da Região. 

No presente ano já foram apoiados 733 doentes deslocados.

© Governo dos Açores | Fotos: SRSD

Partilhar